Resenha | A Garota do Lago – Charlie Donlea

Olá Sonhadores! Seguindo na mesma linha de resenha de thrillers das últimas semanas, hoje trago para vocês A Garota do Lago! Um livro que desde que foi lançado tem se tornado muito popular (e acessível também). Resolvi dar uma oportunidade para ele, mesmo nunca nem tendo ouvido falar do autor. No geral foi uma leitura boa, mas vamos elaborar um pouco mais as coisas nesta resenha, pois também tenho críticas.

“Apesar de estar imobilizada sob o peso do corpo dele, ela o esmurrou e o arranhou ao ponto de deslocar alguns dedos e de as unhas ficarem cobertas de pele e sangue.”

Sobre a História

O livro já começa pesado, narrando o estupro e assassinato da estudante universitária Becca Eckersley dentro da casa de veraneio de sua família na pequena cidade de Summit Lake. Depois disso passamos a ter duas linhas narrativas: no passado, contando sobre a relação de Becca e seus amigos; e no presente, com a jornalista Kelsey, que foi escalada pelo jornal em que trabalha para fazer uma matéria sobre o caso.

Kelsey não é uma jornalista qualquer, ela é bem conceituada dentro da mídia, mas devido a acontecimentos recentes em sua vida, ela se afastou da profissão e tem estado se recuperando em casa. Seu editor-chefe, buscando trazer a mulher de volta a ativa, a convida e a incentiva a pegar a matéria do caso de Becca. A princípio ela fica com receio, mas visto que este trabalho envolvia passar um período longe e como seu editor não colocou nela nenhuma pressão apertada de prazos, ela resolveu tentar.

Chegando lá ela descobriu que as coisas não seriam tão simples quanto imaginava. A investigação já havia sido retirada das mãos da polícia local e parecia estar sendo totalmente encobertada graças a influência do poder dos pais de Becca. Assim, Kelsey precisou fazer alguns alianças com habitantes daquela pequena cidade para conseguir informações. O que ela não esperava era se identificar tanto com o caso, a ponto de que resolver este crime se tornara algo maior do que apenas uma matéria, mas também uma forma dela conseguir se livrar de seus próprios tormentos.

Minhas Considerações

Quando eu comecei a leitura confesso que fiquei um pouco chocado. O autor realmente descreve toda a cena do assassinato de Becca sem qualquer filtro e chega a ser desconfortável. Porém, depois disso, a narrativa começa a ser construída de forma mais leve, aos poucos, até chegar novamente ao ponto inicial.

No geral achei que foi uma leitura fluída. Me incomodou alguns pontos em que achei algumas situações um pouquinho apoiadas demais nas coincidências, mas até aí da para aceitar. O problema maior mesmo foi que muitas pontas foram abertas durante o desenvolvimento, para dar aquela sensação de que “todo mundo é suspeito” (o que é normal em thrillers), mas depois essas pontas ficaram soltas, não teve uma resolução. Como se o autor criasse várias possibilidades de desfecho e no final escolheu um e ignorou o resto.

Um plot twist que acontece ao se revelar o assassino: eu gostei. Caí direitinho. Me senti um pouco enganado, mas foi de forma justa, até voltei as páginas para me certificar disso. Vi que muita gente ficou decepcionado com esse desfecho, mas eu achei ótimo. Faz sentido e faz a gente pensar duas vezes antes de romantizar qualquer coisa.

Concluindo, este é um livro que recomendo. Não é super incrível, mas também não é ruim, além do fato de ser bem barato (por algum motivo que desconheço) para um lançamento recente. Só acho que poderia ter um título melhor, com mais ligação com a história, ando exausto de títulos que envolvem “A(O) garota(o)” ou “A(O) filha(o)” “de qualquer coisa”. E é com esse desabafo que eu termino. Até a próxima!

” (…) descobrir um segredo jamais é a chave. Descobrir por que um segredo é um segredo é o que leva a algum lugar.”


Avaliação

Avaliação: 4 de 5.

Se interessou? Compre este livro pelo meu link da Amazon e apoie o blog!

SkoobGoodreads


A Garota do Lago

Charlie Donlea

ISBN: 978-85-624-0988-2

2017 – Faro Editoral

296 páginas (Pt/Br)

Sinopse: ALGUNS LUGARES PARECEM BELOS DEMAIS PARA SEREM TOCADOS PELO HORROR…

Summit Lake, uma pequena cidade entre montanhas, é esse tipo de lugar, bucólico e com encantadoras casas dispostas à beira de um longo trecho de água intocada.
Duas semanas atrás, a estudante de direito Becca Eckersley foi brutalmente assassinada em uma dessas casas. Filha de um poderoso advogado, Becca estava no auge de sua vida. Atraída instintivamente pela notícia, a repórter Kelsey Castle vai até a cidade para investigar o caso.

E LOGO SE ESTABELECE UMA CONEXÃO ÍNTIMA QUANDO UM VIVO CAMINHA NAS MESMAS PEGADAS DOS MORTOS…

E enquanto descobre sobre as amizades de Becca, sua vida amorosa e os segredos que ela guardava, a repórter fica cada vez mais convencida de que a verdade sobre o que aconteceu com Becca pode ser a chave para superar as marcas sombrias de seu próprio passado…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s