Tormenta de Fogo – Brandon Sanderson – Os Executores Parte 2

Antes de mais nada, este post é uma continuação da resenha da série Os Executores. Não costumo dar spoilers em resenhas normais, mas neste caso, tratando-se de uma continuação, existirão spoilers sobre o primeiro livro, Coração de Aço, que você pode conferir a resenha aqui.

Após o término do primeiro livro, onde Coração de Aço é totalmente destruído, o grupo de Executores, agora incluindo David oficialmente, se afastam de tudo para poderem se recuperar e decidir seus próximos passos. Neste momento, David começa a entrar em uma crise existencial, visto que sua vingança foi executada e ele não tem mais um objetivo definido.

Sem revelar suas intenções, Prof, o líder dos executores (mas que David descobriu ser também um Alto Épico, que ainda não se corrompeu totalmente por controlar seu poderes ao máximo), encaminha sua equipe para a cidade de Babilônia Restaurada. Um dia esse local foi Manhattan, mas hoje é governado por um Alta Épica chamada Realeza, que, com poderes aquáticos, inundou toda a cidade, e a população vive nos topos dos edifícios que não ficaram submersos. Nesta cidade, David conhece outra célula de executores, formada por Val, Gegê e Mizzy, que estavam vigiando os acontecimentos locais, para ficar de olho em Realeza.

Além disso, David soube que Megan também veio para essa cidade, por algum motivo misterioso. Agora que ele descobriu que Megan é a famosa Épica conhecida como Tormenta de Fogo, ele entra em um conflito sobre destruir os épicos ou conseguir transforma-los em pessoas boas. E durante a história, algumas descobertas são feitas, que faz tudo mudar de perspectiva.

O grande plot deste livro é que Realeza está executando um plano e Prof quer descobrir o que é para impedi-la. Ele a conhece de um passado onde foram amigos, e sabe do que ela é capaz para atingir seus objetivos. O problema é que, além de Realeza ser onipresente em sua cidade aquática, Tormenta de Fogo, uma Épica chamada Newton e um Alto Épico chamado Obliteração (que é temido por todos por já ter destruído cidades inteiras em mega explosões), estão trabalhando junto com Realeza. Sem contar que existe um grande mistério em Babilônia Restaurada: um épico jamais visto, mas conhecido como Luz da Aurora, é considerado como uma divindade local, que fornece luz e alimento através das plantas luminosas que crescem por toda parte.

Para quem já leu o primeiro, saiba que o estilo e o ritmo seguem iguais neste segundo livro. Não vou falar sobre o final para não entregar nada, mas saibam que é chocante e revelador, deixando um gancho para o último livro que não nos deixa outra opção a não ser le-lo também.

Um comentário sobre “Tormenta de Fogo – Brandon Sanderson – Os Executores Parte 2

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s