Clube do Livro dos Homens - Lyssa Kay Adams

Resenha | Clube do Livro dos Homens – Lyssa Kay Adams [P.S. Allen]

Clube do Livro dos Homens de Lyssa Kay Adams é romance de estreia da autora que, com o sucesso, acabou se tornando uma série.


Olá, Sonhadores! Como vocês estão? Por aqui vai tudo bem: estou de férias, lendo bastante, tendo tempo para me cuidar e descansar. Estou me preparando para o último semestre da faculdade e para o mundo de possibilidades que vem depois. Acredito que vocês também já estão voltando as atividades depois do brake do meio do ano. Boa sorte para todos nós!

Hoje eu vou falar sobre esse livro que estava com o hype bem alto até certo tempo atrás: Clube do Livro dos Homens da Lyssa K. Adams. Eu poderia ter lido quando todos estavam falando sobre ele, mas eu não gosto de ler coisas que estão na moda. Prefiro que todos já tenham comentado algo para eu ter diversos pontos de vista e ter mais coisas para falar.

“Em qualquer casamento, em algum momento, um cônjuge se torna estranho para o outro.

Sobre o Livro

Bom, a história do livro vai retratar a crise matrimonial entre Thea e Gavin, um casal jovem, cheio de frustrações e que acaba de sofrer um grande abalo na relação. A relação deles começou cedo demais, durante a faculdade, quando pouco tempo após começarem a namorar, Thea acaba engravidando e precisa parar seus estudos e sua vida, enquanto que Gavin, um excelente jogador de baseball, segue sua carreira e se torna um marido ausente.

Com o passar dos anos, Thea se sente frustrada e Gavin acomodado, os segredos começam a surgir e a relação começa a se deteriorar, até que grandes acontecimentos ocorrem e Thea toma uma decisão: o divórcio. Desesperado, Gavin vai encontrar em um clube de leitura secreto (formado pelos jogadores do time de baseball) a ajuda para tentar restaurar seu casamento através da leitura romances de época “hot”. Determinado a reconquistar Thea, ele fará de tudo para que ela se apaixone por ele outra vez.

Outros livros que podem te interessar:

Minha Opinião

Este livro foi uma alegria e uma decepção ao mesmo tempo. Eu tinha algumas expectativas com ele, mas nem todas foram atingidas. A primeira coisa elogiável é a desmistificação de que existem coisas masculinas e femininas, como por exemplo, ir ao shopping e fazer compras: se mulheres fazem isso juntas, os homens também podem fazer. Esse é um dos pontos que é citado no livro. Em diversos momentos temos esse confronto entre feminilidade frágil e masculinidade tóxica. A autora quis romper esses padrões sociais e dizer que o homem precisa e pode ser sensível e que uma mulher pode ser bruta e derrubar uma casa se ela quiser.

Outro ponto interessante é a profundidade dos personagens: você se sente bem e consegue se identificar com as suas emoções. Você consegue se pôr no lugar e lembrar de situações onde relacionamentos foram postos a prova e houve medo, raiva, preguiça, frustração, tristeza e incerteza. Acho que o livro mostrou bem que manter um relacionamento é algo espontâneo, mas que exige dedicação, assim como reconstruir uma relação é ainda mais trabalhoso. Nisso o livro foi bem honesto.

Porém, apesar desses dois pontos fortes, a coisa mais negativa do livro foi a não sustentação narrativa do início ao fim. Até a metade do livro o tom narrativo é mais dramático e reflexivo, beirando um tom negativo e levantando a questão “será que eles vão ficar juntos? Acho que não…”. Contudo, na próxima metade, o romance assume uma característica mais picante, fluída e que os problemas matrimoniais podem ser resolvidos com pouca conversa e mais sexo. Isso me deixou um pouco chateado, pois esperava um pouco mais de profundidade e ensinamentos como tive no início.

De forma geral, a leitura foi positiva e autora conseguiu trazer um olhar diferenciado, mesmo que não tenha sido tão bem executado. O livro foi eleito pela Amazon como o melhor livro de romance de 2019 e esteve várias semanas entre os mais lidos, comprados e resenhados no skoob. Possui uma continuação, mas não tenho o interesse de ler; pelo menos não agora. Para quem gosta das autoras Lisa Kleypas e Julia Quinn, este livro é uma boa recomendação. Até a próxima!

“Os humanos mudam constantemente, e nem todos avançam no mesmo ritmo. Quem sabe quantos casais não se separam só porque não conseguiam perceber que os problemas insuperáveis eram apenas uma fase?”


Avaliação

Avaliação: 3 de 5.

Se interessou? Compre este livro pelo meu link da Amazon e apoie o blog!

SkoobGoodreads


Clube do Livro dos Homens

Lyssa Kay Adams

ISBN: 978-65-556-5090-7

2021 – Arqueiro

320 páginas

Português (Brasil)

Sinopse

Gavin Scott é um astro do beisebol, devotado ao esporte. No auge de sua carreira, ele descobre um segredo humilhante: a esposa, Thea, sempre fingiu ter prazer na cama. Magoado, Gavin para de falar com ela e acaba piorando o relacionamento, que já vinha se deteriorando. Quando Thea pede o divórcio, ele percebe que o orgulho e o medo podem fazê-lo perder tudo.
Desesperado, Gavin encontra ajuda onde menos espera: um clube secreto de romances, composto por alguns dos seus colegas de time. Para salvar seu casamento, eles recorrem à leitura de uma sensual trama de época, Cortejando a condessa. Só que vai ser preciso muito mais do que palavras floreadas e gestos grandiosos para que Gavin recupere a confiança da esposa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s