Resenha | Mentirosos – E. Lockhart [P. S. Allen]

Olá, sonhadores! Tudo bem com vocês? Hoje eu estou de volta com mais uma resenha. Dessa vez é sobre um livro que eu estava muito empolgado para ler. Então, aproveitei que recentemente tive um surto consumista literário e acabei colocando ele no meio da minha “comprinha”.

“Você entende, Cady? O silêncio é uma camada protetora sobre a dor.”

Mentirosos vai narrar a história da Família Sinclair, uma família poderosa e rica que todos os verões vai para Beechwood, uma ilha particular. Os quatro primos mais velhos crescem juntos, brincam, aprontam e sempre negam suas ações. Assim, acabam recebendo o apelido de Mentirosos. Por detrás de algumas falsidades, preconceitos e dissimulações, a família permanece unida, até que no verão quando os adolescentes tem quinze anos, um acidente grave acontece com Cadence Sinclair: ela é encontrada na praia com um traumatismo craniano e sem memória.

Impedida de ir até a ilha passar os verões seguintes, Cadence sofre com os efeitos do acidente: enxaquecas, confusão, náuseas e terror noturno. Ela se esforça para vencer a neblina que cobriu o dia em que tudo ocorreu, mas sua mente simplesmente não consegue lembrar. Quando volta para a ilha dois anos depois, encontra sua família se comportando de forma ainda mais esquisita e distante. Ela começa a desconfiar que escondem algo sobre o dia do acidente e, juntamente com seus primos, tenta descobrir o que é.

Eu fiquei sabendo deste livro muito antes de atingir o hype que tem hoje. Amei a sinopse e quanto mais as pessoas indicavam, mais eu ficava curioso. Porém, e é com dor no coração que coloco esse porém, eu não consegui entender e nem justificar o motivo de tanto alvoroço sobre o livro. Geralmente evito fazer resenhas negativas sobre livros por respeito ao trabalho do autor, mas não tive como fugir disso dessa vez.

Para quem ler pela primeira vez, o enredo dessa história pode parecer super inovador e original, mas a verdade é que existem outros livros que abordam o mesmo conceito e que fazem isso de forma melhor. O que me deixou um pouco frustrado. A narrativa é confusa por se passar em tempos diferentes e a transição entre eles é tão sutil a ponto de o leitor se confundir sobre em qual está. Podemos até dizer que essa confusão acaba servindo para dar um efeito na narração em primeira pessoa do ponto de vista da Cadence, visto que mente dela está prejudicada pelas dores e falta de memória. Fazendo o leitor ter uma melhor percepção da confusão mental e emocional em que ela está. Mas isso não é o suficiente para me fazer aceitar, muito menos gostar, da narração.

Além disso, os personagens não são convincentes o suficiente pra proposta do enredo, tendo casos em que o comportamento deles não fazem sentido. Um aspecto positivo, pelo menos, é que o final consegue surpreender (mesmo não sendo original), visto que o livro não da pistas de onde quer chegar. Bom, pelo menos eu não percebi (kkkk).

Para quem gosta de livros mais psicológicos, de narrativa caótica e curte ver coisas que as vezes não estão ali de verdade, esse livro é uma excelente opção. Porém, eu particularmente não gostei, então não é uma indicação que faria.

Até a próxima!

“Somos Sinclair. Ninguém é carente. Ninguém erra. Talvez isso seja tudo o que você precisa saber a nosso respeito.”


Avaliação

Avaliação: 2.5 de 5.

Se interessou? Compre este livro pelo meu link da Amazon e apoie o blog!

SkoobGoodreads


Mentirosos

E. Lockhart

ISBN: 978-85-657-6548-0

2014 – Seguinte

271 páginas (Pt/Br)

Sinopse: Na família Sinclair, ninguém é carente, criminoso, viciado ou fracassado. Mas talvez isso seja mentira.
Os Sinclair são uma família rica e renomada, que se recusa a admitir que está em decadência e se agarra a todo custo às tradições. Assim, todo ano o patriarca, suas três filhas e seus respectivos filhos passam as férias de verão em sua ilha particular. Cadence – neta primogênita e principal herdeira -, seus primos Johnny e Mirren e o amigo Gat são inseparáveis desde pequenos, e juntos formam um grupo chamado Mentirosos.
Durante o verão de seus quinze anos, as férias idílicas de Cadence são interrompidas quando a garota sofre um estranho acidente. Ela passa os próximos dois anos em um período conturbado, com amnésia, depressão, fortes dores de cabeça e muitos analgésicos. Toda a família a trata com extremo cuidado e se recusa a dar mais detalhes sobre o ocorrido… até que Cadence finalmente volta à ilha para juntar as lembranças do que realmente aconteceu.

Neste mês de Agosto de 2021 estou fazendo o BEDA com postagens diárias aqui nesses 31 dias! Se você gostou do conteúdo não deixe de curtir e seguir o blog para receber notificações quando sair coisas novas e também me segue no Instagram para interagir comigo lá: @leitordossonhos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s