Resenha | A Ilha Misteriosa – Júlio Verne

Em 1985, em um contexto de guerra civil, cinco prisioneiros americanos aproveitam uma oportunidade única de fugir de sua detenção através de um balão. Porém, o clima desfavorável faz com que eles fiquem perdidos no meio do Oceano Pacífico e, ficando totalmente sem recursos, o balão começa a cair ao mar. Por sorte, eles avistam um grande pedaço de terra e conseguem, por pouco, pousar.

A história narra, através de quatro anos, as aventuras de sobrevivência desses desafortunados homens que fugiram de um prisão para entrar em outra. O autor não poupa detalhes sobre cada passo, cada ideia e cada decisão tomada pelo grupo, dando uma aula sobre como aproveitar os recursos que a natureza oferece.

O livro não dá a ilha o título de misteriosa a toa. Durante esses anos, muitos acontecimentos estranhos e inexplicáveis ocorrem nela, e sempre em benefício aos nossos sobreviventes. Tudo isso, fazem eles acreditarem que não estão sozinhos nesta ilha, ou que existe alguma força sobrenatural tomando conta deles.

Todos esses eventos misteriosos são explicados no final. E o desfecho desta aventura é tão dramático e caótico quanto como ela começou. Isso é algo que eu aprecio muito, assim como o fato de tudo fluir de forma natural e, principalmente, fazendo sentido.

Não sei dizer o que Júlio Verne tem de especial, mas eu gosto muito da escrita dele, é objetiva ao mesmo tempo que é detalhada, sem nunca se tornar cansativa. Essa, com certeza, está entre minhas leituras favoritas deste ano e eu recomendo muito!


Avaliação

Avaliação: 5 de 5.

Se interessou? Compre este livro pelo meu link da Amazon e apoie o blog!

SkoobGoodreads


A Ilha Misteriosa

Júlio Verne

ISBN: 978-85-378-1452-9

2015 – Zahar

552 páginas (Pt/Br)

Sinopse: Cinco “náufragos’ do ar, arrastados em seu balão por um furacão, aterrissam numa ilha deserta do Pacífico Sul, em 24/03/1865. Contando somente com a roupa do corpo, porém enérgicos e determinados, o pequeno núcleo de colonos irá refazer toda a longa trajetória da civilização: da pré-história aos tempos modernos, da cerâmica rudimentar a instalação de um elevador, do domínio do fogo a fabricação de dinamite, dos primeiros artefatos a bateria, sem deixar de passar pelo advento da agricultura e da pecuária. Mas logo perceberão, escondida na ilha, uma presença misteriosa cujas intervenções eles constatam, sem, no entanto, descobrirem sua origem… Sucesso desde o lançamento, A Ilha Misteriosa é uma viagem extraordinária e, também, uma reflexão sobre a humanidade, seus limites e sua definição. Essa edição traz copiosas ilustrações e notas, cronologia de obras e vida de Júlio Verne, glossário de termos náuticos, um revelador texto de apresentação e o texto integral.

Um comentário sobre “Resenha | A Ilha Misteriosa – Júlio Verne

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s