Resenha | O Colecionador de Ossos – Jeffery Deaver

Olá criminologistas de plantão! O caso dessa vez é sério e não há tempo para descanso enquanto este assassino não for capturado. Nesta resenha vou apresentar um livro que vai te dar um frio na espinha, mas você não vai parar de ler até descobrir a verdade. Vamos falar sobre O Colecionador de Ossos do autor Jeffery Deaver!

“O osso é o núcleo do ser humano. Ele não se altera, não engana, não cede. Quando a fachada de nossos dissolutos caminhos da carne, os defeitos de raças inferiores e o sexo mais fraco são queimados ou cozidos, nós somos – todos nós – osso.”

Sobre a História

Tudo começa quando a policial Amélia, durante sua última patrulha antes de ser transferida de setor, encontra um homem enterrado no chão, com um de seus dedos para fora usando um anel, mas sem pele e sem carne. Graças a iniciativa que ela teve em preservar o local do crime, os investigadores identificaram o homem como sendo um empresário que havia sido sequestrado a pouco tempo, junto com uma mulher, assim que ambos haviam chegado em Nova York.

Devido as circunstâncias do crime, mais o fato de a mulher ainda estar desaparecida, a policia resolve pedir a ajuda de um ex-criminologista aposentado chamado Lincoln Rhyme. Este homem não é qualquer pessoa, ele é um especialista brilhante, com uma carreira e um nome de peso dentro da polícia. Infelizmente sofreu um acidente anos atrás que o fez ficar tetraplégico e foi abrigado a se aposentar. Rhyme é relutante em aceitar a proposta, especialmente porque tem estado em uma luta constante contra a depressão por causa de sua invalidez, chegando a ponto de procurar pessoas para o ajudar a cometer suicídio. Porém, depois de ouvir os fatos, não pôde controlar sua natureza criminologista e aceitou participar dessa investigação tão peculiar.

A casa de Rhyme se torna a base de operações e ele faz questão de que Amélia participe da investigação até o final, pois reconhece nela um talento em potencial; mesmo que contra a vontade da policial que só quer mudar de vida depois de situações que ela passou. Com uma perícia muito profissional (e bem realista por parte do autor), a equipe descobre a localização da vítima, mas se depara com algo pior: esses não são crimes quaisquer, o assassino se trata de um serial killer que brinca com a polícia deixando dicas de quando e onde estará sua próxima vítima.

Minhas Considerações

Neste livro o autor não esta para brincadeiras. Tudo foi escrito metodicamente para ser o mais realista e imersivo possível. Quando você se depara com grande parte de thrillers ou romances policias, os autores evitam entrar em detalhes técnicos sobre a investigação e a perícia, pois acaba sendo um conteúdo que (1) não é de conhecimento acessível para qualquer pessoa e o autor precisaria estudar e se preparar bastante antes e (2) pode ser um tiro no pé e a leitura se tornar maçante e técnica demais, deixando a leitura menos fluida. Ainda não li as outras obras de Jeffery Deaver, mas nesta ele fez isso com maestria, de forma que conseguiu ser impressionantemente realista sem ficar cansativo.

Outro ponto que vale destacar é que o autor fala um pouco sobre algumas questões éticas, tanto da relação de Rhyme com o suicídio, quanto de como a polícia deve lidar com o crime e suas vítimas. Neste ponto, Rhyme acaba sendo muito insensível e cabe a Amélia tomar decisões entre fazer o que ele pede ou o que ela considera o certo. Isso faz com que aconteça um desenvolvimento interessante da relação dos dois, pois no começo a relação entre eles parece muito estranha e incômoda, mas aos poucos eles acabam se tornando uma dupla poderosa.

Assim como todo bom livro policial, o autor deixa algumas pistas e dicas no caminho para a solução do caso (que eu falhei miseravelmente em perceber) e no final tudo faz muito sentido. Recomendo a leitura para pessoas que já estão familiarizadas com o gênero. Quem ainda está começando acho que vai achar um pouco denso demais, então seria melhor histórias mais leves como as da Agatha Christie para depois partir para esse tipo. Mas se você quiser ser ousado, vá em frente!

“Era triste o que podia acontecer a um homem, morrer e ainda continuar vivo.”


Avaliação

Avaliação: 4 de 5.

Se interessou? Compre este livro pelo meu link da Amazon e apoie o blog!

SkoobGoodreads


O Colecionador de Ossos

Jeffery Deaver

ISBN: 978-85-779-9066-5

2008 – Bestbolso

462 páginas (Pt/Br)

Sinopse: O criminologista Lincoln Rhyme tem uma mente que brilha, mas um corpo que não sai do lugar. Já o assassino, além de um intelecto brilhante, tem a mobilidade de uma enguia. A missão do primeiro é impedir que o segundo continue a matar e desossar pessoas pelas ruas de Nova York..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s