Book Tag do Passado

BOOK TAG do Passado

Olá, Sonhadores! Hoje eu estou nostálgico e decidi criar a Book Tag Original desse mês inspirado nesse tema. Então criei a Book Tag do Passado, onde vamos falar sobre livros antigos, velhos, lidos a muito tempo e até mesmo com histórias que se passam em passados distantes. Preparados? Vamos começar!

O primeiro livro que você lembra ter lido.

Obviamente eu li vários livrinhos infantis quando era criança, especialmente os de contos de fada, mas O Fantasma no Porão do escritor Elias José é o livro mais antigo que eu lembro de ter lido (para um trabalho da escola) e ter sentido pela primeira vez aquela sensação satisfatória de “terminei um livro!”.

Um livro que foi importante para seu desenvolvimento.

Grande Magia - Elizabth Gilbert

Vários livros foram importantes para meu desenvolvimento, tanto pessoal quanto como leitor. Eu escolhi o Grande Magia da Elizabeth Gilbert, pois ele, em especial, foi uma chave que destrancou em mim uma ambição de colocar para fora uma necessidade que eu sempre tive que usar a criatividade, sem ter medo do julgamento das pessoas.

Um livro cuja história se passa em um passado distante.

Eu amo esse livro da Agatha Christie por ele ser super o que a autora sempre faz, mas de uma maneira bem inusitada: a história se passa no Egito antigo! O mais incrível disso é que o livro funciona e tem uma trama excelente. E no Final a Morte é, definitivamente, um livro que eu vou reler em breve.

Um livro que você gosta publicado em um passado distante.

20 Mil Léguas Submarinas - Julio Verne

Tem uma dezena de clássicos que eu amo, então foi difícil escolher um para essa categoria. Optei por 20 Mil Léguas Submarinas porque foi um dos primeiros que li e que mais me marcaram. Foi o responsável também por eu me apaixonar pela escrita de Júlio Verne, tornando-o um dos meus escritores preferidos.

Um livro que você leu há muito tempo, mas ainda se lembra muito dele.

Quando eu li Drácula eu estava muito numa vibe de livros de terror, mas não tinha muita experiência como leitor. Lembro de ter gostado muito e me surpreendido em como ele era diferente de tudo o que eu já tinha lido e isso me marcou bastante. O que mais me impressiona é que é um livro que se eu tivesse lido pela primeira vez atualmente, eu tenho CERTEZA que eu iria amar e me surpreender da mesma forma.

Um livro que já está bem velhinho da sua estante.

Eu tenho o costume de ir em sebos e comprar livros antigos bem baratinhos, principalmente porque eu adoro clássicos e que lugar melhor para encontra-los se não num sebo? Bem, um dos mais velhos e “detonados” que eu tenho é a edição de 1975 de O Gigante de Mary Westmacott (pseudônimo da Agatha Christie). Ainda não o li, mas está quase chegando a vez dele!


Espero que tenham gostado e fiquem a vontade para responder também! Me marque nas postagens que eu compartilho nos stories do Instagram para divulgar. Enfim, é isso e até a próxima!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s