Recomendação Musical Hooverphonic

Recomendação Musical: Hooverphonic

Olá, Sonhadores! Pela primeira vez na história deste blog eu vou fazer uma recomendação musical para vocês! Eu ouço muitos tipos de músicas, mas tenho poucos que posso chamar de favoritos. A recomendação de hoje é de uma banda que eu conheci em 2012, mas que já vem lançando músicas desde dos anos 90. Conheça: Hooverphonic!

Hooverphonic é uma banda belga formada em 1995. Aos longos dos anos os membros da banda foram sendo substituídos (em especial as vocalistas) e a composição atual (2022) é de Alex Callier, Raymond Geerts e Geike Arnaert. Aos longo desses mais de 20 anos de carreira a banda lançou 11 álbuns, além de alguns EPs, compilações e versões em orquestra.

Agora vamos para a parte que vocês devem estar curiosos: que tipo de música eles produzem? Bem, a princípio eles faziam algo que era caracterizado como Trip Hop, um gênero bem peculiar e foi popular nos anos 90 (ouça o primeiro álbum chamado “A New Stereophonic Sound Spectacular“), mas com o tempo eles foram abrangendo mais gêneros como indie e dream pop, eletrônica e até mesmo rock alternativo. Essa variação faz com que cada álbum seja muito único, mas, ao mesmo tempo, faz com que as pessoas gostem mais de uma geração e rejeite outras. A banda sempre passa pela polêmica de perder a “essência” toda vez que lançam algo novo justamente por isso. Eu não vou negar que tenho meus favoritos também, mas parte da graça é ver qual a novidade que eles vão trazer. É bem o oposto de Adele, por exemplo, que apesar de fazer álbuns incríveis, sempre seguem exatamente o mesmo estilo (e muito gente critica isso também, ou seja, nunca nada está bom hahah).

O que me faz gostar tanto dessa banda é como cada música é tão única e original. É muito diferente de maiorias das músicas de hoje em dia que soam exatamente as mesmas, sabe? Não que eu não goste, o que eu mais ouço é pop, mas, por exemplo, eu não tenho vontade NENHUMA de conhecer artistas novos quando ouço algo deles e percebo que é mais do mesmo. Além disso, cada música me passa uma história, não só pela letra mas pela melodia. Para mim são músicas muito inspiradoras para escrever. E apesar de a maioria soar um pouco… sombria, tem músicas de todo tipo: tristes, alegres, dançantes e etc. Além disso, eu particularmente prefiro vocais femininos, então para quem também é como eu, mais um fator aqui para ir conhecer.

Abaixo um dos primeiro clipes, lançado em 1996 para vocês terem uma pequena noção:

Quem me acompanha no Instagram do blog já deve ter ouvido uma música ou outra porque eu sempre uso nos stories e reels. Mas fiz uma playlist no Spotify com algumas das minhas favoritas que você pode conferir clicando aqui. Espero que gostem e até a próxima!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s