Sobre eBooks

Olá, Sonhadores! Como vocês estão? Espero que muito bem! Indo bem direto ao assunto, hoje eu gostaria de falar sobre eBooks. A discussão sobre eles que ocorre desde que eles passaram a existir já está meio batida, eu sei, mas eu nunca falei sobre isso aqui no blog, nem expressei minha opinião e experiências a esse respeito. Então, a fim de deixar registrado, vou compartilhar com vocês algumas coisas referentes a esse assunto.

Bem, os livros digitais não foram uma novidade recente para mim. Desde meados de 2012 eu já lia livros nesse formato. Inclusive, não sei se você sabe, mas nessa época eu li todos os livros da Agatha Christie, e boa parte deles foram em eBook, pelo PC e smartphone. E foi também nessa época que eu mergulhei de cabeça no mundo literário. Ou seja, eu nunca fui um leitor que só lia livro físico e depois se adaptou. Eu diria, inclusive, que os eBooks tiveram uma grande influência em me tornar um leitor melhor. A essa altura, eu até diria que já li mais eBooks do que livros físicos, pois a Agatha tem uns 80 livros e mais da metade deles eu li na versão digital.

Quando os eBooks começaram a se popularizar, especialmente com a chegada da Amazon, a única coisa que foi uma novidade pra mim foi o Kindle. Achei uma proposta super interessante, pois mesmo eu ainda sendo jovem, já sentia minha visão sendo prejudicada por ler muito em telas normais. Assim que eu tive a oportunidade financeira, comprei meu primeiro Kindle (que segue sendo o mesmo até hoje) e com certeza valeu a pena! Essa é uma grande dúvida que as pessoas tem, se vale a pena ter um Kindle. E sim, vale. Principalmente se você não está acostumado com eBooks, a melhor forma de se acostumar é com um Kindle, pois as chances de você gostar são altas.

Quando se trata de gastos, no começo pode ser um pouco pesado investir em um Kindle. Mas saiba que é um bom investimento. Apesar de até hoje existir a polêmica das editoras venderem livros digitais com o mesmo preço que os físicos (quando não até mais caros), no geral os eBooks são muito mais baratos e entram em promoção com muito mais frequência. Afinal, depois que as editoras pagam as contas do lançamento, elas apenas lucram com o que vender além disso. E é aqui que os preços caem bastante. Talvez isso seja um problema se você só costuma ler lançamento ou o que está em alta, mas se você é, assim como eu, um leitor com uma lista infinita e que não se importa de ler livros depois que o hype já passou, é só sucesso. Se você fizer as contas, depois de um tempo vai perceber que o valor que você economizou comprando os eBooks pagam o seu investimento no Kindle.

Muitas pessoas, porém, dão valor apenas a coisas materiais. Não é apenas questão de ter livros físicos na estante, nem de “sentir o cheiro do livro”, é questão de sentir um incomodo de pagar por algo intangível que ela não tem controle e que pode ser tirado dela a qualquer instante sem que ela possa fazer nada. E acho que esse é um medo justificável, principalmente para quem nasceu pré-internet. No começo eu também tinha esse receio, mas já me acostumei. Principalmente pela vantagem de se poder ter muitos livros sem ocupar muito espaço e transportar uma biblioteca toda de um lado pro outro facilmente. O que nos leva a outra vantagem que é poder ler em quase qualquer lugar, sem ter receio de sujar ou estragar o livro, em locais escuros, sem o problema de livros grande e pesados dificultando o transporte. Eu não gosto muito de ler em público porque tenho dificuldade em me concentrar, mas é uma vantagem pra muita gente.

Eu nunca calculei para confirmar essa minha hipótese, mas sinto que leio muito mais rápido eBooks do que mídia física. Talvez pelo fato de não sentir em que parte do livro ainda estou e isso me faz imergir mais na leitura, ou se é pelo formato de páginas com menos texto. Algo faz com que eu, no mínimo, tenha a sensação de estar lendo mais rápido. O que é ótimo!

Meu único problema com eBooks, e aqui vai um desabafo de blogueiro, é que como eu crio conteúdo literário na internet, é muito melhor eu ter as fotos do livro físico. É mais atrativo. Então eu to sempre no dilema de comprar o livro físico para casos que eu sei que vou fazer resenha. Minha estratégia tem sido tentar equilibrar. Quando é um livro que eu sei que vou amar ou que a versão física está barata, eu compro a física. Se é uma leitura experimental ou a versão física está muito cara, aí vou de digital mesmo e as fotos do blog que lutem para ficar atraentes com o kindle hahah

Enfim, você se importa com fotos do blog com o Kindle ao invés do livro físico? Por favor diz que não. Você também já está acostumado a ler eBooks? Também acha que lê mais rápido nele? Compartilhe comigo suas experiências! Espero que tenha gostado desse papo e até a próxima!

Um comentário sobre “Sobre eBooks

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s