#UmPoucoSobre Stephen King [P. S. Allen]

Olá, Sonhadores! Espero que estejam todos bem! Como comentei no mês passado, eu vou aparecer por aqui com uma resenha e um post na terceira semana de cada mês. Eu estive meio ausente ano passado por conta da pandemia e faculdade, mas estou voltando com tudo. Aguardem pois teremos novidades aqui no blog em breve!

Mas chega de enrolação e vamos ao post de hoje!

Eu vou começar dizendo que estou muito animado, pois vou falar sobre o meu autor favorito: STEPHEN KING, esse cara maravilhoso, gênio e de uma criatividade imensa. Só recentemente me dei conta que ele é meu autor favorito, pois nunca havia parado para pensar sobre isso. É o autor que mais li, o que mais tenho livros e o que mais acompanho as novidades. Então, ele já é o dono da minha estante.

Sobre o autor

Stephen Edwin King nasceu em 21 de setembro de 1947, na cidade de Portland (Maine). Suas obras abordam diversos temas, sendo os principais o terror, suspense, ficção científica e o sobrenatural. Quando criança, sua família passou por diversos problemas financeiros, o que acarretou em diversas mudanças de cidade em busca de emprego.

Na escola, King já mostrava suas habilidades de escrita e desenho. Ele costumava produzir histórias de terror baseadas em filmes e quadrinhos, e as vendia para os colegas de sala. Porém, seus professores tentavam abafar essa prática o tempo todo. Nessa época também testemunhou um acidente horrível que tirou a vida de um amigo próximo. Há quem diga que isso estimulou a parte sombria da mente de Stephen, mas ele nega o fato.

Estudou Inglês na Universidade do Maine, onde escrevia uma coluna de terror para o jornal do campus. Foi ali que conheceu sua esposa, Thabita, com quem se casou em 1971. Morou com a família em um trailer, enquanto fazia os primeiros esboços de seus livros e trabalhava como professor.

Sobre as obras

A carreira do autor veio do lixo. Literalmente. Carrie, seu romance de estreia, era um manuscrito inacabado que ele jogou fora, sendo resgatado por sua esposa que o incentivou a terminá-lo após ler as primeiras páginas. O que foi ótimo, pois se isso não acontecesse talvez não tivéssemos tantas historias maravilhosas hoje.

Autor de mais de 60 títulos, entre romances e coletâneas de contos, suas obras já ganharam diversas adaptações, principalmente nos anos 80 e 90. Isso aumentou a popularidade do autor e impulsionou a venda de seus livros. It – a coisa, O iluminado, Sob a Redoma, Cujo, O Cemitério, A Torre Negra e Mr. Mercedes são exemplos das obras que mais se destacaram e ganharam filmes e séries ao longo dos anos.

Apesar de ser criticado por não finalizar bem seus enredos, escrever livros com algumas partes maçantes e abordar temas socialmente chocantes, sua genialidade e originalidade receberam diversos prêmios, como o Bram Stoker Award, Mistery Writers of America e a Medalha Nacional das Artes.

Minha experiência

Em 2011 eu li o meu primeiro livro do autor: O Pistoleiro, o primeiro volume da saga A Torre Negra. Na época eu não sabia, mas meu primeiro contato já foi logo com a série que resume toda a capacidade criativa do autor, e que faz referências à todas as tramas que ele já havia escrito.

O que mais me encanta no livros do Stephen King é que ele consegue misturar muitas sensações em uma história só. Quando estava lendo Terras Devastadas eu senti amor, medo, ansiedade e alegria em todas a páginas. Isso é algo surreal, pois não se espera que um livro de terror provoque sensações diferentes do medo. Isso é o que me prende nas narrativas e me faz ter curiosidade para chegar até o final.

Recentemente iniciei a leitura de O Instituto, que está na minha TBR de verão. Fiquem tranquilos que com toda certeza vem resenha dessa história por aí.

Para terminar, quero deixar como recomendação os livros que eu mais gostei do autor e que provocaram esse misto de sensações que citei aqui em cima.

  1. A HORA DO VAMPIRO
  2. TERRAS DEVASTADAS
  3. O CEMITÉRIO
  4. SOB A REDOMA
  5. A HORA DO LOBISOMEM
  6. MR. MERCEDES
  7. OUTSIDER

Bom, espero que tenham gostado de conhecer e saber um pouquinho mais sobre esse autor genial. Eu recomendo muito os livros dele para quem gosta de histórias malucas, com universos diferentes e realidades tão incomuns. Stephen King tem a habilidade de pegar aquilo que é comum, tosco e bobo, e transformar em uma história empolgante e atraente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s