Agatha Christie no Meitantei Poirot to Marple

Vocês querem uma coisa inusitada? Então aqui está: um anime baseado nas obras de Agatha Christie. É isso mesmo que você leu, um anime. Quando eu descobri a existência dessa série eu fiquei muito surpreso.

Este anime é uma adaptação que conta a história de Maybelle West, uma nova personagem que jamais foi citada em nenhuma obra original da Agatha. Porém, ela é filha do escritor Reymond West, que é sobrinho da famosa Miss Marple e apareceu em alguns livros como Os Treze Problemas.

agatha1.png

Maybelle, junto com seu mascote Oliver, um simpático patinho, acaba se tornando assistente do detetive Hercule Poirot. E juntos com os outros dois companheiros de Poirot, Hastings e Miss Lemon, eles se aventuram em mistérios e crimes baseados nos romances e contos que Agatha Christie publicou.

Ele foi exibido pela NHK no Japão entre os anos de 2004 e 2005, e conta com 39 episódios. Segue abaixo as obras adaptadas para os episódios:

  • O Roubo da Jóias no Grand Metropolitan (Poirot Investiga);
  • A Aventura do Apartamento Barato (Poirot Investiga);
  • Estranha Charada (Os Três Ratos Cegos e Outras Histórias);
  • O Caso da Empregada Perfeita (Os Três Ratos Cegos e Outras Histórias);
  • Os Crimes ABC;
  • O Primeiro-Ministro Sequestrado (Poirot Investiga);
  • A Aventura da Tumba Egípcia (Poirot Investiga);
  • O Crime da Fita Métrica (Os Três Ratos Cegos e Outras Histórias);
  • Os Lingotes de Ouro (Os Treze Problemas);
  • O Gerânio Azul (Os Treze Problemas);
  • A Casa do Penhasco;
  • A Aventura do Pudim de Natal (A Aventura do Pudim de Natal);
  • A Testemunha Ocular do Crime;
  • O Expresso de Plymouth (Os Primeiros Casos de Poirot);
  • Motivo x Oportunidade (Os Treze Problemas);
  • A Aventura da Cozinheira de Clapham (Os Primeiros Casos de Poirot);
  • Um Crime Adormecido;
  • O Caso das Amoras Pretas (A Aventura do Pudim de Natal);
  • O Desaparecimento do Sr. Davenheim (Poirot Investiga);
  • Morte nas Nuvens;

As minhas impressões sobre esta produção são positivas. Gosto da abertura e do encerramento, gosto dos traços dos personagens, gosto das adaptações dos enredos. A única questão é que é um pouco mais voltado para o público infantil, e isso pode não agradar algumas pessoas. Porém, eu recomendo muito, especialmente para quem já é do meio do mundo dos animes, mas também para quem quer entrar e não consegue encontrar temas do seu interesse. Essa é uma boa oportunidade!

Disclaimer: Acabei atrasando este post por problemas pessoais, peço desculpas.

Minha escritora favorita

Eu já havia mencionado no post sobre “Como comecei a ler“, quem acabou se tornando minha autora preferida. Mas fã que é fã não se contenta com pouco, e eu decidi enaltecer essa rainha com um post dedicado inteiramente a ela. Pode entrar, Agatha Christie.

Conhecida como Rainha do Crime, Agatha foi a autora de maior sucesso do gênero de romance policial, produzindo mais de oitenta livros. Segundo o Guiness Book, foi a romancista que mais vendeu livros, ficando atrás apenas de William Shakespeare e da Bíblia. E se você ainda acha pouco, em reconhecimento a seu talento, a rainha Elizabeth II a condecorou com o título de Dama do Império Britânico.

Para quem quiser saber mais detalhes sobre a vida dela, eu recomendo muito sua autobiografia. Foi o primeiro livro do gênero biográfico que eu li e fiquei encantado com tantos detalhes: o estilo de vida daquela época, as situações que ela passou e como foram surgindo suas obras. Eu já li todos os livros que Agatha Christie publicou, inclusive os com pseudônimo Mary Westmacott, que fogem um pouco do gênero policial, mas que são tão legais quanto os outros.

Para quem nunca teve contato com a autora, decidi fazer um top 5 recomendações para quem quer conhece-la. Ao selecionar esses cinco livros, levei em consideração escolher histórias com estruturas diferentes. São eles:

  1. O Misterioso Caso de Styles – Para começar bem, nada melhor do que começar com o primeiro livro publicado pela autora. É também o primeiro livro onde o famoso detetive Hercule Poirot é apresentado. Este livro segue a estrutura de enredo clássica, onde um crime acontece e todos que estavam presentes no local são suspeitos.
  2.  Assassinato na Casa do Pastor – Quer algo um pouco além de presentes suspeitos? Esse livro envolve todo o vilarejo de St. Mary Mead em um caso de assassinato. Dessa vez, a autora nos apresenta Miss Marple, uma velhinha solteirona que nos mostra que basta experiência de vida e um pouco de conhecimento humano para resolver grandes mistérios.
  3. Os Quatro Grandes – Seguindo um estilo bem diferente, este livro, também protagonizado por Poirot, eleva o nível da investigação para espionagem e máfia. Uma organização secreta comandada por quatro líderes espalhados pelo mundo, levará Hercule Poirot a tentar resolver o maior caso de sua carreira.
  4. Testemunha de Acusação e Outras Histórias – Prefere contos? Temos também. Agatha publicou diversos livros de contos, mas meu favorito é Testemunha de Acusação, que vale muito a pena ler.
  5. E Não Sobrou Nenhum – Não podia faltar na lista um dos livros mais famosos (se não o mais famoso) que ela publicou. Desta vez não temos um detetive. Dez pessoas, sem nenhuma conexão, são convidadas a ir para uma mansão em uma ilha particular. Quando percebem que seu anfitrião não apareceu e que agora elas estão presas e isoladas, as coisas começam a ficar estranhas. Quando a primeira morte ocorre na ilha, os convidados começam a perceber que seus destinos foram selados e todos eles vão pagar pelos crimes que cometeram no passado.

Além desses títulos, há outros que quero destacar. Você pode começar a ler por eles também, são livros que me marcaram bastante e que a qualidade é inquestionável:

  • Punição para a Inocência;
  • Assassinato no Expresso do Oriente;
  • Tragédia em Três Atos;
  • A Casa Torta;
  • Convite para um Homicídio.

Sem dúvidas, Agatha Christie é uma inspiração para muitos escritores atualmente, e conquista até hoje gerações de fãs. Ela foi a autora que me fez voltar a ter o prazer pela leitura. Se você está buscando por isso, tente dar uma chance a ela. Se você já a conhece, indique para seus amigos que não costumam ler muito. A escrita dela é muito simples e fluida, e as tramas prendem o leitor. Particularmente, eu acho ideal para recomendar a novos leitores.